Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Voltei à nutricionista

 

"Engordei no confinamento... Só como...!"

 

Haverá frase mais ouvida nos últimos tempos? Para além de covid, covid, covid...

 

Era certo e sabido que isto ia acontecer. Stress, demasiado tempo livre e aborrecimento, é uma mistura estrondosa para se assaltar os armários da cozinha vezes a fio. Eu desde o primeiro confinamento que fiquei em alerta, acima de tudo quando a mãe começou a ir para a cozinha passar tempo. Perigo!

 

Engordei uns dois ou três quilos no primeiro mês e depois como vos contei aqui com ajuda dos Florais de Bach comecei a regrar a minha vontade de comer este mundo e o outro e a ganhar resistência aos doces que a mãe insistia em fazer na cozinha. Assim, desde o início, sabia que ficar em casa, em teletrabalho, que iria tramar o meu corpinho a menos que eu ganhasse juízo e também por isso continuei a treinar em casa. E assim, desde então que tenho continuado na luta, como basicamente desde sempre que me conhecem, não posso negar. Mas a luta é constante e cá continuamos. Quem tem tendência a excesso de peso, como é o meu caso, sabe que é uma luta para a vida, que não é um esforço único e depois "pronto, estou no peso que queria, agora já posso voltar a comer este mundo e o outro!" é demasiado fácil recuperar muito do algum peso perdido. Tantas vezes estamos anos para alcançarmos um resultado, e em algumas semanas, mais tarde, estragamos tudo. Confesso que este verão exagerei nos tremoços nos amendoins e nas cervejas - tal era a fadiga das quatro paredes - e isso não abonou nada a meu favor. Mesmo nada a meu favor! No próximo desconfinamento tenho de gerir isto de modo diferente.

 

Ficamos aqui, lembram-se? 73,6kg a 23 de Novembro de 2020! Entretanto perdi mais uns dois quilos antes do Natal com algum tento na boca e muito treino diário, mas nas festas - apesar de não ter exagerado e é isto que me enerva! - voltei a recuperá-los...

 

Decidi por isso recomeçar as consultas na nutricionista, até porque com o trabalho novo, com o restabelecer de rotinas, senti que precisava de ajuda para não descambar por aí fora, até porque nem sempre é fácil preparar marmitas e programar todo um dia fora de casa.

 

Já seguia o blog - e o instagram! - da Gisèle há muito tempo e por isso quando decidi recomeçar as consultas, lembrei-me de entrar em contacto com ela para traçar-mos este caminho juntas. E cá estamos as duas a caminho do segundo mês.

 

Neste primeiro mês, sem desespero, sem fome, sem grandes restrições perdi 2kg e 25cm em todo o corpo. Claro que continuo a treinar quase diariamente, apesar de chegar a casa cansada e apenas com apetite de ter uma relação séria e apaixonada com o meu sofá... Mas tenho contrariado! Não treino todos os dias, nem sempre é possível, mas umas três a quatro vezes por semana tento treinar e acreditem que todos os dias chego a casa e digo "ai hoje não, hoje não quero!" mas depois quando coloco a música... Animo-me logo! Por alguma razão o meu aquecimento é SEMPRE, religiosamente, dança, só passo para o treino propriamente dito depois de estar toda louca enérgica...

 

 

Eis a atualização da coisa:

 

IMG_20210304_222224.jpg

26 de Fevereiro de 2021

 

Estou quase, quase, quase, quase a sair do número o 7 e sei que quando chegar aos 69,9kg vou ser a pessoa mais feliz do mundo, apesar de não ser um valor assim tão diferente do atual. O número 7 aterroriza-me. 69kg parece muito menos do que 70kg. Psicologicamente é muito diferente. 

 

Assim, esta semana recuperei 4 pares de calças antigas e renovei o ânimo para continuar. Não digo que estou a fazer dieta porque não é bem isso. Estou a comer bem, a ganhar hábitos mais saudáveis. Não passo fome e fiz apenas ajustes àquilo que eu já fazia. Às vezes o problema não é bem o que comemos mas como comemos. Uma das grandes alterações que fiz foi começar a comer sempre sopa ao almoço - já o fazia ao jantar - e isso faz com que eu possa comer de tudo no prato principal mas de forma regrada, porque com a sopa como muito menos o prato principal, e dificilmente tenho vontade de repetir, fico muito mais saciada e acreditem que este ponto é muito importante para mim porque eu preciso de me sentir "cheia". Pode parecer estranho, e parvo, mas é verdade. Se sentir que "comia mais qualquer coisa" vou ter tendência a procurar o que comer, com a sopa antes das refeições isso não acontece porque não sobra assim tanto espaço. Às vezes também é uma questão de lógica. Algo que também reorganizei são os lanches - ou passei a lanchar, vá.... - e como como menos em cada refeição os lanches agora são muito bem vindos e já me fazem falta se por alguma razão não consigo comer.

 

Apesar dos bons resultados - que podiam ser melhores, mas que para mim são ótimos - o meu grande calcanhar de Aquiles cá continua: Beber água!... Batalho nisto há anos. Acho que não há coisa que mais me custe fazer do que beber água. Mas ó Mula, não gostas de água? Não gosto, nem desgosto, a água não sabe a nada, não há nada para gostar ou desgostar. O problema é lembrar-me. Instalei agora uma app que me está a ajudar, mas ainda assim nem sempre o lufa-lufa do dia-a-dia permite-me ser ajudada. O outro grande problema que me chateia, imenso, de beber água é o realmente ir vezes a fio por hora à casa de banho. Eu não tenho vida para ir à casa de banho duas ou três vezes por hora, que é o que acontece quando bebo 1,5L, ou para acordar duas e três vezes a meio da noite. Mas pronto, tem de ser não é verdade? Pode parecer que não, mas ando-me a esforçar. Rabugento mas esforço-me.

 

E a modos que é assim, conto daqui a menos de um mês contar-vos com euforia que já larguei os 70kg - e que sejam de vez, desta vez! - por isso acompanhem-me desse lado.

 

E... Se me estás a ler e precisas de um empurrão: 'Bora lá, faz-me companhia, façamos este caminho lado a lado, com todas as vitórias e derrotas que tivermos de enfrentar. Não esperes por segunda-feira, começa já hoje!

 

#jánãovoumorrergorda

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Mula 06.03.2021

    Não sou alta, Maria, estou dentro da média, mas uma coisa é certa, tenho 1,63 de pura teimosia por isso conseguirei. No verão hei-de ter o corpo que tinha no inícios de 2019 [<)]

    Eu mesmo quando bebo pouca água também faço muito xixi não entendo... Mas ainda assim faço muita retenção, é uma chatice.

    Obrigada!
  • Imagem de perfil

    Maria Araújo 06.03.2021

    São mais 13 cm do que eu meço.
    Quem me dera!
    Bom fim-de-semana
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.