Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Rubrica Semanal - Se eu Fosse Rico de Thiago e Graciano

Já vos disse um dia que os meus gostos musicais são do mais variado que há, certo? E para vos provar, sou igualmente uma fã de música brasileira. Com esta é que não contavam, imagino. Como tudo na vida, há musicas brasileiras com mais qualidade que outras, e claro que esta que vos trago está a anos-luz dos calcanhares de um Caetano Veloso, de um Djavan ou de uma Maria Bethânia. Mas nos dias em que andamos mais cansados, como até é o caso, preciso de músicas que não me obriguem a pensar muito. É que eu quando ouço música, não ouço só, eu tento perceber que mensagem estão a tentar passar, e isso para quem está cansado pode ser muito cansativo.

 

E é isto, para esta semana, decidi trazer-vos uma música de uma dupla sertaneja Thiago e Graciano que expressa neste momento os meus mais profundos sentimentos... Não são assim tão fundos? Lamento, mas é o que se arranja para esta semana, para a semana dias melhores virão... (a ver vamos... ahaha)

 

 

 

Como a música desta semana, é bastante simples, e não há análise possível a fazer, irei fazer apenas alguns comentários, ok? Aqui vai em três... dois... um...

 

Não gosto de ostentação
Eu não preciso de muito para ser feliz
Pra mim já tava bom
Uma casinha simplesinha
Vendo o pôr do sol em Paris

 

Eu cá sou mais sincera que este rapaz, quem me dera eu ter dinheiro para poder ostentar... A verdade é que me deram um gosto descomunal por coisas caras, para onde os meus olhos se viram, é caro. Até o meu vestido de noiva, foi o mais caro - dos que eu provei. Relativamente à casinha, aí concordo com o moço, não precisaria de uma casa muito grande para viver, gosto de casas pequenas, não por darem trabalho a limpar, porque se fosse rica teria certamente alguém que faria esse serviço, mas porque me sinto mais aconchegada num espaço mais pequeno. Não escolheria Paris, não, de todo. Devo fazer parte de um pequeno grupo de pessoas que não tem qualquer fascínio por Paris. Preferia uma casinha pequena para ver o pôr-do-sol em Itália, se pudesse ser. Itália tem pôr-do-sol, certo? Espero que sim, porque era lá mesmo que gostaria do meu cantinho.

 

Te juro que eu não ia reclamar
Se eu tivesse um barquinho simplesinho
Igual aquele do Neymar
E pra desestressar
Eu só queria um pedacinho de terra
Ali no meio do mar
No quintal da minha casa
Uma pista e um avião
Pra de vez em quando ir comer sushi ali no Japão

 

Ora bem... não gostava muito de ter um barco... Enjoo, só e apenas por isso... e um avião também não... fazem-me mal aos ouvidos, tenho medo e ... também enjoo. Nunca andei, mas se os helicópteros tiverem menos efeitos secundários, preferia, pode ser? Tendo em conta que seria rica, também não seria preciso ir tão longe comer sushi, certamente conseguiria trazer um sushimen directamente do Japão para cozinhar para mim. É que não gosto de viagens muito longas... fica-me a doer o rabo. Ah! Quanto ao pedacinho de terra no meio do mar: Aceito! De preferência com chão de vidro para ver os peixinhos!

Ahh se eu fosse rico
Eu não tava nem aqui
Passava o cartão feito louco por ai
Se eu tivesse grana eu tava em Punta Cana
Ou pulando onda lá no Havai

Nada a comentar desta estrofe, o moço esclarece todas as minhas vontades numa estrofe tão pequena!

Mais o despertador me lembra todo dia
Enquanto eu não ganhar o prémio da lotaria
Vou ter que pular cedo
Manter o meu emprego
Sonhando com o sossego da aposentadoria

Normalmente costumo desligar a música antes de chegar a esta parte... Odeio que me digam verdades que me magoam... Aliás já falei disso num post antigo, sobre verdades, mentiras e afins. E a verdade é que tenho de me mentalizar que irei trabalhar toda a minha vida para pagar contas... E creio que nem poderei sonhar com o "sossego da aposentadoria", porque essa nem vai chegar até mim. Quando for velhinha a segurança social já foi com os porcos e já somos todos chineses. Bem, há que pensar positivo, vamos poder comer crepes chineses em qualquer buraquinho!

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.