Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Quando o aumento do salário mínimo nos prejudica

O que fazer?

 

Não nos adianta chorar ou espernear. Ainda que me apeteça fazer isso tudo e mais alguma coisa.

 

Estou revoltada. Chateada. Triste. Roubada. Acima de tudo sinto-me roubada. 

 

Quando comecei a trabalhar era quase rica, quase , ganhava acima do salário mínimo nacional. Quanto mais? Ganhava 10€ acima do salário mínimo. Uma fortuna, só que não. Ainda assim era com orgulho que eu dizia que ganhava mais que as pessoas mais miseráveis. Mais 10€. Entretanto em 2014 o salário subiu para o miserável valor de 505€ e aí passei a ser mais uma pessoa miserável a receber o salário mínimo.

 

No início deste ano o salário mínimo voltou a subir, desta vez para 530€. Mais uma subida vertiginosa, meu Deus a loucura. Descobri hoje, e ainda fui a tempo, de perceber que a subida de 505 para 530€ me prejudica mais do que me beneficia, porque já se sabe... A mesma mão que dá, é a mesma mão que tira.

 

Hoje vou renovar o passe social+ quando para o meu espanto sou uma espécie de nova rica. "Mas eu continuo a receber o salário mínimo  como é possível eu não ter direito este ano?" esperneei. 

 

Soube pela menina que não estava assim tão mal , que "há pessoas em situações piores", e que o passe era só para quem não recebia mais do que 503,06€ mensais.

 

Basicamente e resumidamente, após o aumento do salário mínimo nacional , não houve atualização das tabelas nos transportes. 

 

Vamos então fazer as contas:

 

Eu recebia 505€ e estava sujeita a um desconto de 11% para a Segurança Social, o que significativa que eu líquidos recebia 449,45€ + 12€ do desconto do passe social andante. Recebia então, por assim dizer, a fortuna de 461,45€.

 

Hoje , riquíssima que sou. Dou-me ao luxo de receber os loucos 530€, que após os descontos se transformam em 471,70€, mas como perdi o desconto de 12€, esse valor ainda me é retirado do salário mensalmente , por isso recebo na realidade, 459,70€.

 

Humm...

 

Realmente há muita gente pior que eu, que nem sei de que é que me queixo. Sou mesmo uma ingrata da sociedade! 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.