Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Para os que estão sozinhos no dia dos namorados

No ano passado pela altura do Dia dos Namorados fui convidada pela Felizes.pt a escrever um texto alusivo ao amor na viuvez. Na altura, porque achava que não tinha conhecimento de causa para falar mais profundamente do tema, optei por escrever um conto que ilustrasse essa questão. Este ano, recebo um e-mail a dar conta da grande evolução do Felizes.pt e fiquei bastante feliz, significa que as pessoas não se resignam a estarem sozinhas e tentam procurar alguém com os mesmos interesses.

 

No entanto é importante dar uma achega no que concerne à questão de se estar só. Nem toda a gente tem necessidade de ter um companheiro ou companheira e a sociedade força a que se procure alguém, no entanto, cabe a cada pessoa decidir o que é melhor para si, e se efetivamente as pessoas se sentem melhores sozinhas então devem manter-se sozinhas, para as alturas de maior solidão os amigos devem estar lá para isso.

 

Um estudo realizado por este site revela dados bastante curiosos acerca da forma como homens e mulheres se comportam na busca de romance online, que podem consultar aqui se tiverem curiosidade. Algo que achei bastante curioso é que a tradição mantém-se: são os homens que iniciam maioritariamente a conversação com as mulheres. Não deixo de me sentir um pouco triste com esta observação, confesso, porque isso significa que as mulheres ainda estão demasiado passivas no que toca à vida amorosa. Vamos lá, toca a espevitar mulherada solteira, a tradição já não é o que era, se alguém vos chama atenção, porque não tentarem falar com essa pessoa, seja online ou pessoalmente? Go Girls!

 

Mas e o que fazer quando se está sozinha/o numa altura em que há casais melosos a segurar coisas vermelhas em formas de coração, enquanto dividem crepes carregados de chantilly, morangos e chocolate?

 

Depende da relação que cada um tem com o Dia dos Namorados. Se for uma altura delicada, o ideal é fazerem um programa mais caseiro, sendo a meio da semana é fácil fazer um dia totalmente normal esquecendo que hoje à noite centenas de casais estão a pagar o triplo pelas refeições pela metade da comida. É gourmet, dizem.

 

Se pelo contrário, se sentem confiantes e os coraçõezinhos espalhados pelas lojas e restaurantes não vos assustam, que tal irem com um amigo ou uma amiga ao cinema, ao centro comercial fazer umas compras, ou irem simplesmente até um bar. Se procuram alguém, quem sabe não possam encontrar num programa fora de casa alguém solteiro à procura de um novo recomeço.

 

Uma coisa é certa, conselho de Mula: Façam o que fizerem, mas não se lamentem por nada, porque à falta de programa melhor, é só mais um dia, não se esqueçam disso.

6 comentários

  • Imagem de perfil

    Mula 14.02.2017

    Lembro-me perfeitamente!
    Pois não acho nada normal, com tantos dias para jantares a quatro, hoje não acho que seja dia para isso! -_-'
    É como aquele livro do Raúl Minh'alma Larga quem não te agarra!
  • Imagem de perfil

    Sofia 14.02.2017

    O grande problema foi não me ter dito nada, só após estar combinado e achar normal, combinar coisas que envolvem terceiros, sem falar com eles.!
  • Imagem de perfil

    Mula 14.02.2017

    Claro, é isso! É que não faz sentido nenhum!
  • Imagem de perfil

    Sofia 14.02.2017

    Nem mais!
    Ainda, não te disse adoro o look do blog.Image
  • Imagem de perfil

    Mula 14.02.2017

    Eu também o achei uma doçura, mas.... é só para esta semana, ahahahaha
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.