Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Os homens afinal fazem falta na nossa vida

Já tinha dito ao meu colega que a porta da casa-de-banho da loja não estava muito boa que um dia ainda haveríamos de lá ficar fechados que a fechadura está estranha e custa a abrir.

 

A casa-de-banho é privada, mas por vezes a pedido, deixamos que os clientes a usem, essencialmente para experimentarem alguma roupa que vendemos, uma vez que não temos provadores. A cliente - pelos vistos a dever um pouco à inteligência, ou à memória - apesar de ter empurrado a porta para abrir, uma vez lá dentro, em vez de a puxar para si - se empurrou para abrir, tem de puxar para abrir uma vez lá dentro, parece-me fácil - tentou empurrar a porta e tanta força que fez, a porta deu um pouco de si - temos de ter noção que são umas instalações antigas - e o rodapé da porta engatou no rodapé da parede. Nem imaginam o meu pânico - e não era eu que lá estava trancada.... - eu não tive força para abrir a porta, ia contra ela e nada, e comecei a ver a porta a separar-se do rodapé, como que a partir, a amiga que estava cá fora ria-se... eu só bufava!

 

Lá consegui pedir a um rapaz vendedor aqui vizinho da loja que me viesse ajudar. E ele com dois ou três encontrões lá conseguiu abrir a porta e tirar a cliente de lá de dentro, que estava calmíssima, como se nada se tivesse passado. Pelos vistos a única stressada era eu.

 

Afinal, os homens são muito úteis na nossa vida, essencialmente quando devemos à força e temos falta de jeito com fartura.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Mula 28.10.2016

    ImageImageImage
    O que eu me ri, agora!!!! ahahahahahahahahahah
    Vês?  Nós precisamos muuuito, da vossa força! xD ahahahahahah
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.