Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Estou indignada

Estava tranquilamente em casa quando recebo um chat de uma prima minha, com a partilha de um blog com fotos da aldeia, e fotos minhas e da minha mãe, quando eu era miuda. Algumas fotos estão em contexto de festa, com várias pessoas à volta, não vejo qualquer maldade na publicação, no entanto,  uma delas - pelo menos, a que eu vi - é um retato meu, com dois anos, com a minha mãe ao lado e a minha prima mais nova ao colo. Foto essa que faz parte do meu arquivo pessoal!

 

Estou indignada, não entendo como alguém fora da família - ninguém sabe quem é o sujeito - tem fotos antigas minhas e da minha família, e pior, a lata que teve em publicar sem saber quem são as pessoas e sem qualquer consentimento.

 

Se os bebés e crianças das fotos hoje são adultos? São! Mas ninguém tem o direito de publicar fotos nossas sem o nosso consentimento. Na era do digital é normal e não dá para controlar o que cai na rede e o que anda de mão em mão, mas expliquem-me lá, como se eu fosse muito burra, como é que uma foto-retrato familiar foi parar em mãos alheiras - foi propositado, tá?

 

Se o contexto pode não ter maldade? Pode, e não tem, mas ainda assim pretendo obter justificações e já contactei o senhor do Blog! Aguardo novidades, mas não sei se as irei obter...

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Mula 04.05.2021

    Agora já estou mais tranquila mas quando soube estava capaz de esfolar o homem vivo se o conhecesse, achei mesmo um abuso. Já mandei mensagem para o blog e para o facebook e zero resposta, daqui a uns dias volto a insistir. Pior do que fazer isto é ignorar!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.