Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

Electrodomésticos, Casamentos e Divórcios: Co-relação ou coincidência?

electro.jpg

 

Antigamente a vida das pessoas era mais rotineira e fiel - fiel no sentido de não mudar com frequência. Ou seja, as pessoas nasciam, iam para a escola meia dúzia de anos - alguns nem tanto - escolhiam uma profissão e ficavam nessa profissão até morrer - ou até sofrerem um acidente e ficarem incapacitados. Casavam, e o casamento era para a vida toda. Antigamente não existiam os divórcios fáceis como existe actualmente, e divorciar não era uma coisa normal, era uma vergonha.

 

Agora pensemos nos electrodomésticos. Antigamente, eram electrodomésticos para a vida. Nunca ouvi a minha avó dizer que tinha o frigorífico avariado, que precisava de comprar outro fogão. Mesmo a minha mãe, tem batedeiras do tempo que eu nasci, o frigorífico é o mesmo desde que me lembro, e tem uma máquina de sumos do tempo em que a fruta não era tão bonita e tão prefeita mas era mais saborosa. A verdade é que, juntei-me à 7 anos, e já mudei de micro-ondas, tenho de comprar um outro aspirador, já queimei uma batedeira e uma varinha mágica e estou a precisar de comprar um frigorífico que não me congele os ovos e os iogurtes.

 

Olhando para estas duas questões: casamentos e durabilidade dos electrodomésticos, parecem duas questões bastante distintas, mas eu acredito mesmo que antigamente os electrodomésticos eram mais duráveis, porque a pessoa iria ficar naquela casa com aqueles electrodomésticos e com a pessoa que escolheu viver, para sempre. Hoje em dia, não prestam para nada, mas as empresas têm esperança que ninguém perceba, porque o mais certo é a pessoa divorciar-se e precisar de comprar outro mais cedo ou mais tarde...

 

É isto, ou sou eu apenas a delirar?

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.