Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

E por falar em criancices...

...Eu já gostei de um rapaz chamado Victor.

 

O Victor tinha cabelo à tigela e era um ano mais velho que eu. Eu gostava do Victor, eu sonhava com o Victor, eu suspirava pelo Victor, eu chorava pelo Victor, só que eu não conhecia o Victor, porque o Victor era de uma turma diferente e eu demasiado envergonhada para me apresentar. O Victor jogava futebol e eu comecei a jogar também para chamar a atenção, só que o Victor nunca soube da minha existência. 

 

Houve um dia em que o Victor nunca mais voltou às aulas - foi transferido de escola - e então eu chorei muito. Chorei durante uma semana pelo Victor que não conhecia e com o qual nunca falei.

 

Até que vi o Luís. Eu já gostei de um rapaz chamado Luís. 

 

O Luís era um rapaz moreno de olhos verdes, e era ainda mais velho que o Victor. Eu gostava do Luís, eu sonhava com o Luís, eu suspirava pelo Luís, eu chorava pelo Luís, só que eu não conhecia o Luís, porque o Luís era de uma turma diferente e eu demasiado envergonhada para me apresentar.

 

O Luís era rebelde e andava sempre de preto, e então eu comecei a andar de preto também, só que o Luís nunca soube da minha existência. 

 

Houve um dia em que Luís nunca mais voltou às aulas - desistiu de estudar - e então eu chorei muito. Chorei durante uma semana pelo Luís que não conhecia e com o qual nunca falei.

 

Até que reparei no Bruno, que era da turma do Luís. O Bruno tinha cabelos negros, olhos castanhos e fazia grafitties. Eu gostava do Bruno, eu sonhava com o Bruno, eu suspirava pelo Bruno, eu chorava pelo Bruno, só que eu não conhecia o Bruno, porque o Bruno era de uma turma diferente e eu demasiado envergonhada para me apresentar.

 

O Bruno sabia que eu existia e que eu gostava dele, só que eu sabia que era demasiado nova e que nunca olharia para mim, por isso nunca fiz nada para chamar a atenção.

 

No final do ano o Bruno mudou de escola, e então eu chorei muito. Chorei durante uma semana pelo Bruno que não conhecia e com o qual nunca falei.

 

Até que reparei no Hugo, que tinha sido da turma do Bruno e do Luís, só que o Hugo nunca mudou de escola e eu tive que levar durante dois anos com o romance dele e de uma rapariga ainda mais nova que eu... E chorei por ele bem mais do que uma semana...

 

Como é fantástica a adolescência! Às vezes fico com saudades desses tempos... Depois lembro-me que comecei a namorar com o Pedro, que era irmão do Luís, que rapidamente me trocou por uma loira no Algarve, e lá se foram as saudades.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.