Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

dESarrumada, conta-me histórias da música que eu ouvi!

Não podia deixar a dESarrumada de fora desta rubrica, simplesmente não podia. Se é verdade e loucura que eu quero nesta rubrica, se é o desmistificar das histórias que aparentemente se escondem atrás das músicas, então a dESarrumada tinha que aqui contar a sua, que neste caso não é sua, mas da Beyoncé e do seu Jay Z, que como verão andam apenas a atirar areia para os olhos dos seus ouvintes! A Beyoncé e o Jay Z são no fundo uns taradões sexuais que embrulhados em acordes giros passam para fora e para as suas seguidores estórias de depravação e horror! Fiquem e leiam. Pura verdade. Pura verdade.

 

Conta-me Histórias.png

 

d41d8cd98f20120308034934.png

 

A Mula foi uma fofa e decidiu dar-me a árdua tarefa de me concentrar uns 30 minutos - admito que foram mais, mas who cares? - A Mula merece! É caso para dizer… para a Mula não vai nada, nada, nada??? Tudo!!!

 

Antes de mais começo por dizer que a Beyoncé está de parabéns porque está grávida de gémeos, mas menos de parabéns porque tirou uma fotografia pirosa para o anunciar e tem sido vista em eventos importantes a envergar trapos hó-ró-ró-sos! Mas tirando isto tudo aquilo deve estar de vento em popa com o Jay Z e já vão perceber porquê.

 

Vou então dedicar-me a contar-vos a verdadeira história da música da Beyoncé I can see your halo, ou como eu prefiro chamar-lhe: Consigo ver-te o falo!

 

 

 

 

Remember those walls I built?

Well, baby they're tumbling down

And they didn't even put up a fight

They didn't even make a sound

 

Aqui a Beyoncé começa por dizer ao seu querido Jay Z que os senhores ilegais que chamaram para construir as paredes lá de casa não valem um tostão furado quanto mais uma sandes de torresmos. Não é de admirar, visto que as paredes caíram de mansinho e ela conseguiu ver o quarto do Jay Z para lá do quarto dela. Sim, sim, todos sabem que eles só estão juntos para inglês ver em eventos importantes e que só se juntam de vez em quando para fazer bebés com beiços grandes.

 

Mas porque será que ela começa a música a falar sobre isto? Ficam já, já, a saber, calma aí com o andor que isto ainda só vai nos primeiros acordes e a coisa tem que render para o vídeo ficar todo melódico-fofo. Isto de ser uma celebridade que faz pose com véus na cabeça, estando grávida, tem muito que se lhe diga.

 

I found a way to let you in

But, I never really had a doubt

Standing in the light of your halo

I got my angel now

 

Ela diz ao Jay Z que arranjou uma forma de fazerem o amor sem ficar com a passarinha toda queimada: o famoso lubrificante ANGEL! Ai, ai, isto há um ano atrás tinha-me dado tanto jeito… mas isso agora não interessa nada, como diz a que-ri-da Teresa Guilherme.

 

A Beyoncé já está em frente ao seu falo, e pelos vistos ele emana luz! Ou será que o Jay Z decidiu decorar o falo com uma daquelas grinaldas das árvores de Natal com 3 metros??? Bem me pareceu, como já tinha dito, estas celebridades batem mal da cabeça e têm fetiches esquisitos.

 

It's like I've been awakened

Every rule I had you breakin'

It's the risk that I'm taking

I ain't never gonna shut you out!

 

Ela diz sentir-se uma nova mulher, mais acordada e desperta para a vida! Pudera, fazer o amor no meio dos escombros de uma casa construída, provavelmente, por mexicanos (os que ainda não foram expulsos pelo Trump!) deve ser uma sensação do outro mundo. Tanto é que ela nem se importou que ele quebrasse as regras dela de não fazerem o amor no chão sujo de cimento porque isso podia sujar o véu (aquele branquinho da foto lembram-se?).

 

 Ah, isto para não voltar a falar do falo iluminado do Senhor Z, que ela não quer apagar!

 

Everywhere I'm looking now

I'm surrounded by your embrace

Baby, I can see your halo

You know you're my saving grace

You're everything I need and more

It's written all over your face

 

Pronto, está o caldo entornado! Ela admitiu que o falo do senhor Z é grande e que se sente cercada por ele! Esperemos que não tenham enveredado por práticas sadomasoquistas estranhas com a grinalda da árvore de natal e que não tenham convidado os mexicanos! Ou então sim, até tinha piada um dos putos nascer a cheirar a Chili con carne.

 

Baby, I can feel your halo

Pray it won't fade away

I can feel your halo, halo, halo

I can see your halo, halo, halo

I can feel your halo, halo, halo

I can see your halo, halo...

Halo, ooh ooh...

 

Ele acelerou os movimentos e ela parece esta a gostar de sentir o seu falo dentro dela, ou será que optaram por práticas orais? Porque ela está sempre a dizer que o consegue ver, depois que o consegue sentir, que o consegue ver, sentir, ver, sentir… já perceberam o que quero dizer, certo?

 

Hit me like a ray of sun – Porque o falo está iluminado!

Burning through my darkest night aqui a coisa escura deve ser o rabinho, só pode!

 

You're the only one that I want

Think I'm addicted to your light

I swore I'd never fall again

But this don't even feel like falling

Gravity can't forget to pull me back to the ground again

 

Aqui ela tenta ser romântica, diz que está a atingir o orgasmo, que isso lhe dá asas e que não quer cair! Mas o que ela quer mesmo é uma festa mais tarde só com os mexicanos, quando o Jay Z estiver em concertos noutro estado do país. E de preferência seria melhor se o Jay Z deixasse ficar lá por casa o lubrificante ANGEL e a g de Natal porque ela ficou viciada na luz que aquilo dá!

 

Espero que tenham apreciado este pequeno momento de interpretação musical de uma das cantoras favoritas da minha adolescência!

 

Cum carago, já não sou adolescente???

 

Beijo na bunda meus queridos!!! 

 

---------------------------------------------------------------------------

 

Não sei se me choque, se me preocupe, se, se, se olhem, nem sei! Andava eu a gritar I can feel your halo sem saber realmente o que andava eu a gritar. É que se formos no encaminhamento da minha playlist veremos que não há realmente dúvidas de que é que se trata, só que eu estas já tinha cuidado ao cantar no centro de saúde quando rodeado por pessoas acima dos 65 anos: It's rainin' men. Hallelujah (The Weather Girls) ---> She's a maneater (Hall and Oats) ---> e agora mais recentemente Acordando o Prédio (Luan Santana), e eu achava que a música Halo estava ali assim um pouco deslocada, digamos. Não está, não está! Sua depravada Beyoncé! A querer comer mexicanos ao pequeno almoço quando o Jay Z se esfalfa a trabalhar para sustentar a prole, uma vergonha é o que é! E depois a Like a Virgin é que ganha a má fama, coitado do ex-jipe do Zé Mário!

 

---------------------------------------------------------

Têm uma história engraçada sobre uma música e gostariam de a partilhar connosco? Mandem a vossa história para desabafosdamula@hotmail.com e a história será partilhada aqui nos Desabafos da Mula assim que possível.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.