Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Desabafos da Mula

Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos.

Desabafos da Mula

A (in)sensibilidade de quem deveria de estar lá para ajudar

Como sabem, a minha relação com a entidade patronal não está fácil e já teve melhores dias, estou desempregada, mas ainda não conto para as estatísticas, ainda não reavi os meus tostões e então tive de tomar medidas para não deixar as coisas arrastarem-se até porque existem prazos para efetuar os pedidos, e o meu, já começa a aproximar-se.

 

Tenho por isso passado mais tempo que o desejado no Tribunal de Trabalho.

 

Seria de esperar que no Tribunal de Trabalho as pessoas que lá trabalham fossem minimamente atenciosas, minimamente empáticas, com quem está a passar por uma situação difícil, com quem está a ter um azar na vida e precisa de apoio. Até porque só se recorre ao Tribunal de Trabalho quando algo vai mal, ou muito mal, no.... como dizer... Trabalho! Seria por isso de prever que as pessoas que se encontram a tratar dos processos fossem minimamente acessíveis certo? Errado. As pessoas daquele tribunal onde fui são tudo menos atenciosas, prestáveis e empáticas. Nos corredores do dito, enquanto esperava para ser ouvida, ouvi várias pessoas a colocarem a sua situação àquelas que se denominam de oficiais de justiça, mas que nada mais são que administrativos, e a receberem por sua vez, berros. As ditas senhoras, em vez de orientarem as pessoas da melhor maneira, o que faziam era passar atestados de estupidez a quem àquele serviço recorria.

 

Eu também fui recebida com berros a primeira vez que lá fui. Eu chorava - sofro dos nervos, 'tá? -, e a senhora berrava. Aparentemente estava irritada porque eu tinha sido informada erradamente, mas ainda assim a senhora não estava com a mínima vontade de me ajudar, até que vendo, que eu não me acalmava lá me marcou uma audiência com o senhor procurador, que agora, me está a tentar orientar. Afinal existem soluções, afinal existem formas de acalmar as ânsias dos outros, só que para isso é preciso ter vontade trabalhar, ter vontade de ajudar, e isso, está visto que é algo que não assiste àquelas gentes.

 

É triste, quando a vida nos corre mal, e aqueles que supostamente nos deveriam de proteger também não o fazem.

5 comentários

  • Imagem de perfil

    Mula 26.01.2017

    É muito triste... Mas é o que há... Infelizmente é daqueles sistemas que não se pode fazer muito... 
  • Imagem de perfil

    Maria 26.01.2017

    Isso é o que ainda incomoda mais... é a impotência que sentimos por não conseguir ir contra o sistema
  • Imagem de perfil

    Mula 27.01.2017

    Porque os tribunais devem nos defender, quando eles não nos defendem ... que mais nos resta?... pois.... :\
  • Imagem de perfil

    Maria 27.01.2017

    é mesmo isso minha linda...
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Desabafos do quotidiano, por vezes irritados, por vezes enfadonhos, mas sempre desabafos. Mais do que um blog, são pedaços de uma vida.